Política

Assembleia participa da assinatura de termo de cooperação do Governo e Incra

Reforma agrária

Diego Alves Publicado em 12/11/2016, às 00h37

None
julianaturatti111120161634.jpg

Reforma agrária

Nesta sexta-feira (11), o Governo do Estado e o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) assinaram um termo de cooperação com o objetivo de acelerar e dinamizar o processo de reforma agrária de Mato Grosso do Sul.

“Eu parabenizo a iniciativa do Governo do Estado. Nós precisamos dos órgãos estaduais e federais para que o Incra supere as dificuldades. Essa parceira é um impulso para o desenvolvimento da reforma agrária e a agricultura familiar”, destacou o presidente do Incra Leonardo Góes Silva.

O governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou a importância da parceria e falou dos resultados esperados. “Essa parceria é importante porque muitos destes homens e mulheres lutaram e muito pelas suas terras. Com a titularidade nós avançamos na luta porque é um direito deles e uma forma de regularizar porque queremos fortalecer a agricultura familiar com equipamentos e assistência técnica”, afirmou o governador.

Para o presidente da Casa de Leis, deputado Junior Mochi (PMDB) a parceria beneficia a todos. “Eu acompanho e tenho uma relação com vários assentamentos na minha região e é uma angustia, a muitos anos não se consegue destravar com a ausência da titulação. Com isso eles perdem muitos recursos, objeto dos financiamentos que exigem a garantia,  e para ter garantia tem que ter o título da propriedade e não tem. Essa parceira é fundamental, onde o Estado coloca os técnicos a disposição do Incra para agilizar o processo e os proprietários definitivamente terem os títulos das suas propriedades”, apontou o parlamentar.

Participaram também da cerimônia da assinatura do termo de cooperação os deputados Coronel David (PSC) e João Grandão (PT).

Jornal Midiamax