Política

Votação sobre processante na Câmara pode ficar para a próxima semana

Casa aguarda parecer e terá de convocar suplentes

Midiamax Publicado em 15/06/2015, às 15h11

None
camara_plenario.jpg

Casa aguarda parecer e terá de convocar suplentes

Deve ser adiada novamente a votação de pedido de abertura de Comissão Processante, na Câmara Municipal de Campo Grande, contra o prefeito, Gilmar Olarte (PP), isto se a questão não for judicializada. A matéria depende de parecer da procuradoria jurídica e convocação de suplentes antes de ir a plenário.

Segundo o chefe de gabinete da presidência da Câmara, Fernando Pinez, a procuradoria tem até quarta para emitir parecer a respeito da quantidade de votos necessária à abertura da processante. E seja qual for o entendimento, complementa, um dos lados – base ou oposição – deve questioná-lo judicialmente.

Independente disso, depois de o parecer jurídico ser apresentado à mesa diretora, ela tem 24 horas para convocar três suplentes, que votarão no lugar dos vereadores autores do requerimento. Supondo que esta convocação ocorra na quinta-feira (18), há possibilidade de a análise do requerimento ficar para a próxima semana.

O pedido de abertura de Comissão Processante foi apresentado no dia 19 de maio pelos vereadores Alex (PT), Thais Helena (PT) e Luiza Ribeiro (PPS). A própria oposição também levou ao jurídico da casa a dúvida sobre o quórum necessário para a abertura.

Jornal Midiamax