Política

Reinaldo veta nomeação de concursados e manda reduzir número de comissionados

Secretários terão 90 dias para adequarem a estrutura básica e funcionalidade de cada pasta

Midiamax Publicado em 05/01/2015, às 12h07

None
imagem_de_destaque.jpg

Secretários terão 90 dias para adequarem a estrutura básica e funcionalidade de cada pasta

Mais uma determinação do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) para reduzir despesas foi oficializada no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira (5). O tucano despachou um decreto em que veda a nomeação de concursados nos próximos seis meses e determina a redução de comissionados em pelo menos 20%.

Conforme o decreto 14.116, os secretários têm 90 dias para adequar a estrutura básica e a funcionalidade de cada pasta. Além disso, os titulares de órgãos, entidades, autarquias e fundações terão de reduzir, no mínimo, em 20% os custos com provimento de cargos em comissão em comparação aos dados do ano anterior.

Azambuja também vedou a nomeação de aprovados em concursos públicos do Estado de Mato Grosso do Sul pelo período de seis meses. A única exceção é para os casos em que o prazo de vigência do concurso encerra-se dentro do período estabelecido.

Jornal Midiamax