Política

Reinaldo diz preferir esporte e cultura para evitar redução da maioridade penal

Governador visitou Secretaria de Educação

Evelin Cáceres Publicado em 24/06/2015, às 13h31

None
img-20150624-wa0020.jpg

Governador visitou Secretaria de Educação

“Reduzir a maioridade penal cria expectativa de que vamos resolver o problema e não vamos resolver, vamos postergar. Precisamos de mais ações integradas, punição maior e política social, com programas esportivos, culturais e que ocupem o tempo dos jovens para que eles não fiquem na rua”, disse o governador Reinaldo Azambuja nesta quarta-feira (24) ao ser questionado sobre a redução da maioridade penal.

Reinaldo esteve na Secretaria de Estado de Educação ouvindo sugestões e reclamações dos educadores e aproveitou para orientá-los sobre planejamento. “As escolas este ano não tinham uniformes, nem merenda. Vamos fazer isso antecipadamente este ano para que no início das aulas os alunos já tenham tudo isso”.

O governador também relatou o sucesso da Caravana da Saúde, negando que estivesse fazendo marketing sobre o assunto. “Um menino de 12 anos de Três Lagoas tinha estrabismo e sofria bullying nas escolas por isso. Apesar da Caravana não realizar este tipo de cirurgia de correção, reunimos os profissionais e eles fizeram a cirurgia. Hoje, o menino tem uma vida mais tranquila”, relatou. 

Jornal Midiamax