Reunião aconteceu no fim de semana

Os vereadores que fazem oposição ao prefeito Gilmar Olarte admitiram que mantiveram conversas com André Puccinelli, ex-governador de Mato Grosso do Sul e liderança do PMDB. Durante a sessão desta quinta-feira (28), a vereadora Thais Helena (PT) confirmou que opositores estiveram conversando com André ontem, quarta-feira (27).

A pauta da reunião, entretanto, não seria somente Olarte. “Nós conversamos sobre a situação geral de e também sobre a Comissão Processante”, admitiu a vereadora. Conforme apurado pela reportagem, André teria avisado na reunião que “mantém diálogo direto com seis vereadores”.

Apesar de ter afirmado inúmeras vezes que após acabar seu mandato de oito anos à frente do Executivo no Estado se aposentaria para cuidar dos netos, Puccinelli é apontado por alguns como figura presente no cenário político municipal. 

O nome dele também foi citado como opção em eleição indireta na Câmara de Campo Grande, que seria o resultado de um possível afastamento de Olarte, caso a Comissão Processante se instaure e culmine com a cassação do prefeito.

Além dele, seu ex-secretário Giroto, derrotado nas urnas em 2012 por Alcides Bernal, também foi citado. 

Distante do descanso em família, o ex-governador mantém uma página no Facebook onde aparece em reuniões e visitando cidades do interior do Estado, além de exaltar as belezas naturais do Pantanal em imagens.

 

Reuniões

A oposição também confirma que quer marcar reuniões com o presidente do PDT, OAB e o líder do PMDB, Júnior Mochi.