Olarte entende que PMDB tem secretarias e partido está dividido

Bancada do PMDB se reuniu sozinha com Olarte
| 09/05/2015
- 15:55
Olarte entende que PMDB tem secretarias e partido está dividido

Bancada do PMDB se reuniu sozinha com Olarte

O PMDB está confuso em relação a gestão de (PP). Na última sessão o vereador Vanderlei Cabeludo (PMDB) chegou a informar que anunciaria a independência, mas acabou recuando. Isso acontece porque o partido ainda está bastante dividido entre ser base ou anunciar independência.

O PMDB chegou a fazer uma reunião fechada com Olarte na quarta-feira, antes do encontro com demais vereadores, mas não conseguiu chegar a consenso nem durante em nem depois. Agora, uma nova reunião está marcada para semana que vem, quando o partido definirá se segue como base ou anuncia independência.

Segundo o vereador Paulo Siufi (PMDB), durante a reunião o prefeito pediu um recomeço, mas pontuou que na avaliação dele o PMDB tem secretarias na gestão. “Ele entende que o PMDB pode buscar parceria nova e não sei se o PMDB quer. Tivemos o momento lá atrás. Ele refere como se o PMDB tivesse secretarias. Mas, como a gente falou: a discussão nunca foi partidária”, justificou.

Siufi confirma o impasse dentro do partido e a tendência a anúncio de independência. Entre os motivos, segundo o vereador, a falta de diálogo com a gestão. “Não aceitamos que jogue responsabilidade para o ex-governador André Puccinelli (PMDB) ou para ex-prefeitos. Ele já teve um ano e meio… Reclamamos do excesso de cargos em comissão; falta de habilidade para vetar projetos e pedimos a participação efetiva de um chefe de governo. Não queremos cargo e nada, mas ser respeitado como base”, alegou.

Indagado se o prefeito não ficará chateado com esta declaração de independência, o vereador disse que há muita coisa que o partido quer e também não acontece. “Dissemos que enxergamos ele com boa intenção. Mas, de boa intenção o céu está cheio. Será que assessores e pessoas que estão orientando ele estão bem-intencionadas?”, contestou.

O PMDB faz nova reunião na segunda-feira, quando decidirão se continuam ou não com o prefeito. Segundo Siufi, a independência não quer dizer que cada um votará como si, visto que o partido continuará tomando decisões em conjunto. O PMDB tem como líder de Olarte o vereador Edil Albuquerque, que controla a Sedesc.

 

 

Veja também

A publicação consta na edição do Diogrande desta quinta-feira (11)

Últimas notícias