Política

Novo vereador, Betinho lamenta escândalo sexual que o levou à Câmara

Ele ocupa a vaga deixada por Alceu Bueno

Evelin Cáceres Publicado em 30/04/2015, às 13h59

None
img-20150430-wa0041.jpg

Ele ocupa a vaga deixada por Alceu Bueno

O vereador Betinho (PRB) disse ser “lamentável” a forma como chegou a Câmara Municipal de Campo Grande durante a sua posse nesta quinta-feira (30). Ele ocupa a vaga deixada por Alceu Bueno, que renunciou após ser investigado em escândalo sexual envolvendo adolescentes.

“Foi lamentável a forma como cheguei aqui, mas vou honrar cada voto confiado em mim. Um terço dos meus votos são da região do Nova Lima, mas trabalharei pelas sete regiões da cidade”.

Betinho acredita que foi eleito pelo trabalho social que realiza há seis anos. “Agora poderei trabalhar aqui para ajudar a cada um. A população vai ter orgulho de me ter como vereador”, completou.

Sobre integrar a base ou a oposição ao prefeito, Betinho disse que esta é uma questão a ser avaliada. “Acabei de chegar, vou conversar bastante e discutir isso posteriormente”.

Ele disse ter voltado ao PRB porque teve uma boa conversa com o partido e este era o melhor caminho, negando que teve medo de perder o cargo. Segundo o vereador, o suplente só perde a fidelidade partidária se exerce o mandato.

O novo vereador teve 2,4 mil votos e é técnico em segurança do trabalho. 

Jornal Midiamax