Política

Neto de ex-governador do Estado ganha cargo de adjunto na Prefeitura de Campo Grande

Pedro Pedrossian Neto ocupou também cargo na gestão de André Puccinelli

Midiamax Publicado em 15/01/2015, às 13h53

None
pedrossian_neto.jpg

Pedro Pedrossian Neto ocupou também cargo na gestão de André Puccinelli

O neto do ex-governador Pedro Pedrossian deve assumir o cargo de secretário-adjunto da Sedesc (Secretaria Mun. de Desen. Econômico, Ciência e Tecnologia, Turismo e Agronegócio), anunciou o prefeito de Campo Grande (MS), Gilmar Olarte (PP), durante agenda na Secretaria Municipal da Mulher, nesta quinta-feira (15).

Pedro Pedrossian Neto foi convidado para ocupar a vaga na pasta, que tem como titular Natal Baglioni Meira Barros, que assumiu o lugar do vereador Edil Albuquerque (PMDB), após o retorno à Câmara Municipal, como líder do prefeito.

Nesta manhã, Olarte afirmou que “pedirá a benção do ex-governador” para que o neto ocupe a vaga de adjunto. “Se conceder, vai ser um marco na história do Estado”, disse.

O neto do ex-governador do Estado ocupou, no ano passado, um cargo na gestão do ex-governador, André Puccinelli (PMDB). Ele foi nomeado na Seprotur (Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo de Mato Grosso do Sul), sob o símbolo DGA-Especial, recebendo salário de R$ 7.124,34, com direito de até 100% sobre o valor.

Com a nomeação, Pedro Pedrossian recebia o terceiro maior salário do Executivo estadual, atrás apenas de Puccinelli e da então vice-governadora Sinome Tebet (PMDB).

Jornal Midiamax