Política

Líder diz ter votos para barrar processante e quer votação do pedido

Vereador diz que oposição sabe que será derrotada

Midiamax Publicado em 15/06/2015, às 14h57

None
97edf6959e1e727a94d8093aeb73a8e6.jpg

Vereador diz que oposição sabe que será derrotada

O vereador Edil Albuquerque (PMDB), líder do prefeito Gilmar Olarte (PP) na Câmara, se diz despreocupado com a votação da comissão processante. A tranquilidade, segundo Edil, está na certeza de que a comissão não emplaca.

“Estou tranquilo. Já temos os votos sim. Só estamos aguardando esta definição para saber se serão 20 ou 15 votos”, avaliou Edil. O vereador critica o pedido da oposição, de redução de 20 para 15 votos, o número necessário para abertura e diz que tudo isso acontece por conta da possibilidade de derrota deles.

“Estão fazendo isso porque sabem que não têm votos suficientes”, criticou. O vereador defende a votação da comissão imediatamente, para evitar especulações e a pressão que se cria diariamente. “Todo dia me ligam perguntando sobre isso. Temos que votar logo” reclamou.

A oposição entrou com recurso para exigir maioria simples para abertura, mas a base de sustentação defende dois terços do número de vereadores, tal como acontece em caso de decisão sobre cassação de mandato.

Os opositores acreditam que a redução aumenta a possibilidade de emplacar a comissão, entendendo que alguns estão em dúvida e podem mudar o voto caso vejam que as chances de emplacar são maiores. Todavia, a procuradoria da Câmara já sinaliza que deve rejeitar o pedido da oposição.

Jornal Midiamax