Política

CPI do Cimi teve sessão secreta com indígenas ameaçados de morte

Membros da CPI não quiseram entrar em detalhes

Midiamax Publicado em 03/11/2015, às 21h13

None
img-20151020-wa0074.jpg

Membros da CPI não quiseram entrar em detalhes

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) do Cimi (Conselho Missionário Indígena) teve sessão secreta com depoimento de indígenas ameaçados de morte na semana passada. A revelação foi feita pelo deputado estadual Pedro Kemp (PT) nesta  terça-feira (3).CPI do Cimi teve sessão secreta com indígenas ameaçados de morte

Segundo Kemp, os indígenas pediram sigilo para depor. A ata foi registrada, mas só em outra sessão haverá votação. O petista pediu à deputada Mara Caseiro (PT do B), presidente da CPI, para que um dos depoimentos fosse desqualificado.

Mara não quis falar com a imprensa sobre a sessão secreta. O deputado Paulo Correa (PR), relator da CPI e ruralista, evitou detalhes, mas elogiou os depoimentos e adiantou que foram reveladas informações que indicam que as armas dos conflitos seriam financiadas por dinheiro do Paraguai.

Jornal Midiamax