Política

Concorrência com Rose dificulta ida de Marquinhos para o PSDB

Deputado quer partido que garanta candidatura

Midiamax Publicado em 23/06/2015, às 11h06

None
marquinhos_e_rose.jpg

Deputado quer partido que garanta candidatura

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) trabalha para convencer Marquinhos Trad e Fábio Trad a migrar para o PSDB, mas a missão não será fácil. O problema maior está no conflito de interesse de uma das lideranças do partido, Rose Modesto (PSDB)  com Marquinhos Trad, visto que ambos querem disputar a Prefeitura de Campo Grande.

Marquinhos não quer ficar no PMDB porque não tem a garantia de que será o candidato do partido. A ida dele para o PSDB poderia colocá-lo na mesma situação, visto que lá a predileta é Rose Modesto. Sem a garantia de que seria o candidato, Marquinhos dificilmente irá para o ninho tucano.

O deputado estadual planeja migrar para o PSD e já conversou com o presidente nacional do partido, Gilberto Kassab. Todavia, aguarda aprovação de janela no Congresso para trocar de partido sem correr risco de perder o mandato por infidelidade partidária.

Ontem (22) Azambuja declarou que o PSDB pode abrir mão da candidatura para apoiar um aliado e esta pode ser a saída para Marquinhos, que ganharia um aliado e se livraria de uma concorrente. Porém, esta decisão depende da vontade de Rose Modesto e do partido.

O PSDB pretende fortalecer a sigla para a disputa da presidência da República e dificilmente abriria mão de ter uma candidatura em uma capital. Foi o diretório nacional, inclusive, que obrigou Azambuja a se candidatar ao governo, desistindo do Senado, onde faria dobradinha com Delcídio do Amaral (PT).

Jornal Midiamax