Política

Chegada do quarto filho adia visita de Ciro Gomes a Campo Grande

Partido promove ato de filiação nesta sexta-feira

Midiamax Publicado em 20/11/2015, às 13h39

None
ciro_gomes_reproducao.jpg

Partido promove ato de filiação nesta sexta-feira

Foi cancelada a participação de Ciro Gomes, ex-governador do Ceará, em evento do PDT na Câmara Municipal de Campo Grande, nesta sexta-feira (20). O motivo foi a chegada de Gael, quarto filho do político, o primeiro dele com a atual esposa, Zara.

Gomes, que foi ministro da Integração Nacional durante o primeiro mandato de Lula e é citado como presidenciável pedetista para 2018, viria à Capital participar de ato de filiação do PDT. A legenda recebe nesta sexta cerca de 20 novos filiados, entre eles alguns prefeitos.

O presidente regional do PDT, deputado federal Dagoberto Nogueira, comentou que “provavelmente” o partido terá candidatura própria em Campo Grande em 2016. Além dele próprio, outros prováveis nomes para a disputa são do deputado estadual Felipe Orro e da ex-vereadora Tereza Name.

No entanto, as eleições de 2016 só devem entrar oficialmente na pauta do PDT em março próximo, diz Dagoberto. Segundo ele, a atual crise vivida em Campo Grande é resultado da má gestão dos eleitos em 2012, o titular, Alcides Bernal (PP), e o vice, Gilmar Olarte (PP): “creio que o próximo prefeito ficará quatro anos consertando todos os estragos”.

Jornal Midiamax