Política

Bela Vista tem luto de 3 dias por morte de prefeito afastado

A Assomasul também decretou luto

Jessica Benitez Publicado em 29/10/2015, às 18h05

None
renato_rosa.jpg

A Assomasul também decretou luto

O prefeito de Bela Vista em exercício, Douglas Gomes (PP), decretou luto oficial de 3 dias após o chefe do Executivo afastado, Renato Rosa (PSB), ser encontrado morto na manhã desta quinta-feira (29). Segundo o delegado que conduz a investigação do caso, Alex Sandro Antônio, tudo indica que o médico tenha cometido suicídio. Ele foi afastado do cargo por 180 por determinação judicial.

A Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) lamentou o ocorrido. "Recebemos com muito pesar a notícia sobre o falecimento dele, porque o doutor Renato era um grande administrador público e um companheiro na luta municipalista", disse o presidente e prefeito de Nova Alvorada do Sul, Juvenal Neto (PSDB).

De maneira simbólica a associação também decretou luto de 3 dias. No Facebook, inúmeras pessoas prestaram homenagens com fotos vídeos e mensagens publicados na página do prefeito. Alguns associam o possível suicídio à situação política em que ele estava e até culpam os vereadores, responsáveis pelo pedido de afastamento, pelo fato.

A câmara de Bela Vista instaurou uma CPI para investigar a improbidade, após receber documento da Promotoria de Justiça acerca de diversas irregularidades, como a falta de pagamento de funcionários do Hospital São Vicente de Paula por três meses. Oito dos 11 vereadores votaram a favor.

Jornal Midiamax