Política

Ex-deputado diz que vai acionar a Justiça para anular convenção regional do PTB

O ex-deputado estadual Aluízio Borges diz que vai acionar a Justiça para anular a convenção de seu partido, o PTB, feita nesta terça-feira (24), em Campo Grande, na qual ficou definida a aliança do partido com o PT nas próximas eleições. Pré-candidato ao governo do Estado, ele aponta falhas na condução do processo. Borges apresentou […]

Arquivo Publicado em 24/06/2014, às 15h59

None

O ex-deputado estadual Aluízio Borges diz que vai acionar a Justiça para anular a convenção de seu partido, o PTB, feita nesta terça-feira (24), em Campo Grande, na qual ficou definida a aliança do partido com o PT nas próximas eleições. Pré-candidato ao governo do Estado, ele aponta falhas na condução do processo.

Borges apresentou impugnação contra seus dois adversários na convenção, o também pré-candidato Anderson Monteiro e a ala que defendia a aliança com o PT. No entanto, o diretório decidiu prosseguir com a convenção sem votar os pedidos.

Pelo estatuto, se estivesse concorrendo ‘sozinho’, os 12 votos que obteve daria a Borges o direito de levar adiante sua candidatura. Após o fim da convenção, que decidiu pela aliança com o PT, o ex-deputado exigia a conclusão da ata para, em posse do documento, acionar a Justiça.

O presidente regional do PTB, Ivan Louzada, acha boa a disputa interna dentro do partido. “Só de falar no PTB o partido cresce”, conclui.

Jornal Midiamax