A rotatória do Monte Castelo com a Avenida Rachid Neder, em Campo Grande, onde aconteceu um acidente que acabou na morte de uma , neste domingo (14), virou ‘palco' de batidas, segundo trabalhadores da região.

O funcionário de um posto de combustível contou ao Jornal Midiamax que não ouviu o barulho da batida, mas quando estava saindo do viu que havia ocorrido o acidente. “Esta tem muito fluxo de veículos e todo mês tem uma batida aqui”, disse o trabalhador.

Ele ainda relatou que acontecem mais acidentes entre carros e motocicletas. No momento do acidente com a motociclista estava chovendo e ela teria perdido o controle da direção, batendo contra o muro do condomínio.

Quando os policiais chegaram ao local, a mulher já recebia atendimentos de equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). As tentativas de reanimação ocorreram por cerca de uma hora, mas a motociclista não resistiu. A vítima não possuía CNH (Carteira Nacional de Habilitação).