Polícia / Trânsito

Motociclista que teve perna amputada em acidente na BR-060 espera vaga por CTI na Santa Casa

Homem e jovem passaram por cirurgia no hospital e estão em estado grave

Thatiana Melo Publicado em 17/11/2021, às 10h11

None
(Foto: Brito News)

O homem de 32 anos, que se envolveu em um acidente na BR-060 e que teve a perna amputada na colisão entre duas motocicletas passou por cirurgia na Santa Casa de Campo Grande, e espera por uma vaga no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) na unidade de saúde.

Segundo a assessoria de comunicação do hospital, o paciente deu entrada nessa terça (16) às 20h15, com amputação traumática da perna esquerda. Está no centro cirúrgico em recuperação do procedimento realizado pela ortopedia. Aguardando leito de CTI, e o estado de saúde é grave.

A jovem que estava com ele, de 19 anos, também está em estado grave. Ela deu entrada no hospital às 20h43 dessa terça (16), com fratura de pelve, fratura de tornozelo esquerdo e dedos do pé esquerdo. Está no centro cirúrgico em recuperação do procedimento de correção de múltiplas fraturas. Aguardando vaga no CTI, em estado grave.

O acidente ocorreu no km-97 por volta das 15 horas, quando Clovis, que estava na BMW em um comboio de motociclistas, tentou fazer a ultrapassagem de um caminhão em um local proibido batendo frontalmente contra a Honda CG, onde estava um casal, de 19 e 32 anos.  

Com a batida, o casal foi arremessado para as margens da rodovia e o homem teve a perna amputada no local com a colisão. Já a jovem teve fraturas pelo corpo, sendo os dois socorridos em estado grave para uma unidade de saúde e depois seriam levados para a Santa Casa de Campo Grande em vaga zero. 

Com a colisão entre as motocicletas, Clovis acabou atropelado pelo último eixo da carreta que tentava ultrapassar morrendo no local. O grupo tinha como rota a cidade de Costa Rica, onde passariam a noite. Um empresário de Paraíso das Águas disse que seguia logo atrás e presenciou o acidente: "imagens que não esquecerei tão cedo", declarou.

Jornal Midiamax