Polícia / Trânsito

Ciclista que morreu em acidente na BR-262 foi arrastado quando atingido por 2º carro

Foi feito teste do bafômetro no motorista da camionete que deu resultado negativo, o outro motorista fugiu

Thatiana Melo Publicado em 03/06/2021, às 06h01

None
Local do acidente (Midiamax)

Foi identificado como Anderson da Costa de 36 anos, o ciclista que morreu em um acidente na noite desta quarta-feira (2), na BR-262 em Campo Grande a aproximadamente um quilômetro do autódromo, no sentido Capital - Três Lagoas. Ele foi atingido por dois carros, sendo que o segundo motorista fugiu do local do acidente.

O atropelamento aconteceu por volta das 21h30 da noite desta quarta (2), quando segundo informações registradas no boletim de ocorrência, um motorista que conduzia uma camionete Ford Ranger seguia sentido Água Clara após deixar parentes em Campo Grande. O ciclista seguia na mesma via da camionete, mas segundo o motorista quase no meio da pista.

Ainda de acordo com informações, o motorista da camionete não conseguiu desviar do ciclista já que do outro lado da pista, na outra mão de direção, vinham vários carros, e com isso, acabou acertando Anderson que atingiu o parabrisa da camionete e foi lançado ao solo.

Logo atrás da camionete vinha um carro de pequeno porte, que também acabou atropelando o ciclista e o arrastando. Este segundo motorista fugiu do local. O motorista da camionete acionou o socorro e foi feito teste do bafômetro que deu resultado negativo. Ele foi levado para a delegacia onde prestou esclarecimentos e foi liberado.

Jornal Midiamax