Polícia / Trânsito

Motociclista invade contramão, colide em Uno e morre na BR-262 em Campo Grande

Mais uma vítima de trânsito perdeu a vida em Campo Grande. Gilmar Villalba Nascimento, de 31 anos, morreu na noite desta terça-feira (31) ao invadir a contramão na BR-262, na Capital. De acordo com informações da Polícia Civil, Gilmar estava em uma moto Yamaha Factor quando invadiu a pista contrária no quilômetros 360 da rodovia, […]

Aliny Mary Dias Publicado em 01/01/2020, às 09h29 - Atualizado em 02/01/2020, às 08h14

Foto: Leitor Midiamax
Foto: Leitor Midiamax - Foto: Leitor Midiamax

Mais uma vítima de trânsito perdeu a vida em Campo Grande. Gilmar Villalba Nascimento, de 31 anos, morreu na noite desta terça-feira (31) ao invadir a contramão na BR-262, na Capital.

De acordo com informações da Polícia Civil, Gilmar estava em uma moto Yamaha Factor quando invadiu a pista contrária no quilômetros 360 da rodovia, ainda na Capital. Quando invadiu a contramão, o motociclista colidiu de frente com um Fiat Uno.

Ele chegou a ser socorrido por equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O motorista do Uno, de 36 anos, estava em visível estado de embriaguez e foi preso mesmo se recusando a fazer o teste do bafômetro. No carro também estavam um passageiro de 29 anos e uma jovem, que ficou gravemente ferida e não teve a idade divulgada.

Equipes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) atenderam o acidente, que foi registrado como acidente fatal provocado pela própria vítima e também dirigir embriagado. O caso será apurado.

Outra vítima

Mais tarde, outro jovem perdeu a vida no trânsito de Campo Grande. Cleudenilson Alves Rodrigues de Matos, de 29 anos, morreu por volta da 1 hora da madrugada desta quarta ao colidir a moto que conduzia em muro, a poucos metros de casa.

O jovem conduzia uma moto Yamaha e estava na Rua Pororoca, no bairro Parque dos Laranjais. Quando chegou na esquina com a Avenida Presidente Vargas, Cleudenilson perdeu o controle da direção e colidiu no muro de um terreno baldio.

 motociclista morreu antes mesmo de ser socorrido e segundo os trabalhos iniciais da perícia da Polícia Civil, não foram encontradas marcas de frenagem na pista. Nenhum veículo que possa ter se envolvido no acidente foi localizado. A polícia investiga o caso como morte a esclarecer. (Matéria alterada às 10h20 para correção de informação)

 motociclista morreu antes mesmo de ser socorrido e segundo os trabalhos iniciais da perícia da Polícia Civil, não foram encontradas marcas de frenagem na pista. Nenhum veículo que possa ter se envolvido no acidente foi localizado. A polícia investiga o caso como morte a esclarecer. (Matéria alterada às 10h20 para correção de informação)

 motociclista morreu antes mesmo de ser socorrido e segundo os trabalhos iniciais da perícia da Polícia Civil, não foram encontradas marcas de frenagem na pista. Nenhum veículo que possa ter se envolvido no acidente foi localizado. A polícia investiga o caso como morte a esclarecer. (Matéria alterada às 10h20 para correção de informação)

Jornal Midiamax