Polícia / Trânsito

Identificado motociclista que morreu depois de bater em camionete e ser arrastado por 100 metros

Foi identificado como Carlos Alberto de Andrade, o motociclista que morreu em um acidente, na manhã desta quinta-feira (11), na BR-376 entre Vicentina e Fátima do Sul, a 237 quilômetros de Campo Grande. A vítima chegou a ser arrastada por cerca de 100 metros após a colisão. O acidente aconteceu quando Carlos, que estava na […]

Thatiana Melo Publicado em 11/06/2020, às 13h09 - Atualizado em 12/06/2020, às 10h48

(Washington Lima, Fátima em Dia)
(Washington Lima, Fátima em Dia) - (Washington Lima, Fátima em Dia)

Foi identificado como Carlos Alberto de Andrade, o motociclista que morreu em um acidente, na manhã desta quinta-feira (11), na BR-376 entre Vicentina e Fátima do Sul, a 237 quilômetros de Campo Grande. A vítima chegou a ser arrastada por cerca de 100 metros após a colisão.

O acidente aconteceu quando Carlos, que estava na motocicleta, tentou fazer uma conversão a esquerda e acabou sendo atingido pela camionete Amarok com placas de Dourados, que era conduzida por um médico que atende em Fátima do Sul.

Segundo o site Fátima em Dia, com o impacto, a motocicleta foi arrastada por mais de 100 metros na pista e a vítima acabou prensada entre o capô e o para-brisa da caminhonete. O condutor da camionete não sofreu nenhum ferimento.

Jornal Midiamax