Polícia / Trânsito

Funcionário bêbado pega carro de lava jato e causa acidente na Afonso Pena

Passa por audiência de custódia na manhã desta terça-feira (17), motorista bêbado que provocou engavetamento na Avenida Afonso Pena na noite de domingo (15). O homem de 44 anos é funcionário de um lava jato e usou o carro de um cliente para ‘dar uma volta’. Conforme as informações da GCM (Guarda Civil Metropolitana), o […]

Renata Portela Publicado em 17/12/2019, às 09h03 - Atualizado às 13h47

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Imagem ilustrativa

Passa por audiência de custódia na manhã desta terça-feira (17), motorista bêbado que provocou engavetamento na Avenida Afonso Pena na noite de domingo (15). O homem de 44 anos é funcionário de um lava jato e usou o carro de um cliente para ‘dar uma volta’.

Conforme as informações da GCM (Guarda Civil Metropolitana), o homem de 44 anos conduzia o Corolla pela Avenida Afonso Pena, quando provocou o engavetamento com outros três carros, nas proximidades da Praça do Rádio. Ele estava visivelmente embriagado e com odor de cerveja e o teste de bafômetro confirmou a embriaguez.

Ocupantes de um dos outros três carros envolvidos no acidente sofreram ferimentos leves e foram socorridos. O motorista do Corolla confessou que o carro era de um cliente do lava jato em que ele trabalha, nas proximidades do Parque das Nações. Ele foi preso em flagrante por lesão corporal culposa e também por dirigir embriagado.

Foi verificado ainda que a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) do motorista estava vencida desde 2016. Na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro, o delegado plantonista José Roberto de Oliveira Junior arbitrou fiança no valor de R$ 1996.

Jornal Midiamax