Polícia / Trânsito

Mulher que morreu em acidente com ônibus na BR-163 era servidora da educação

Foi identificada como Rosemar da Cunha Arias, de 46 anos, a passageira que morreu em um acidente de ônibus na BR-163, em Nova alvorada do Sul, cidade a 114 quilômetros de Campo Grande. Rosemar que não estava na lista de passageiros, era cozinheira da rede estadual de ensino e morava em Iguatemi. A Polícia Rodoviária […]

Diego Alves Publicado em 04/06/2018, às 19h44 - Atualizado em 05/06/2018, às 19h27

None

Foi identificada como Rosemar da Cunha Arias, de 46 anos, a passageira que morreu em um acidente de ônibus na BR-163, em Nova alvorada do Sul, cidade a 114 quilômetros de Campo Grande.

Mulher que morreu em acidente com ônibus na BR-163 era servidora da educaçãoRosemar que não estava na lista de passageiros, era cozinheira da rede estadual de ensino e morava em Iguatemi.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) suspeita que motorista do ônibus, que tombou na madrugada desta segunda-feira (4), tenha dormido ao volante. No entanto, a investigação irá apontar com exatidão a causa do acidente.

O ônibus fazia o trajeto entre Mundo Novo e Campo Grande quando, por motivos a serem apurados, saiu da pista e tombou.

Dos 23 passageiros a bordo, sete ficaram feridos no tombamento, na altura do km 359, no trecho que liga Rio Brilhante a Nova Alvorada do Sul.

Mulher que morreu em acidente com ônibus na BR-163 era servidora da educação

O motorista que sofreu escoriações, prestou esclarecimentos a PRF. Os passageiros feridos no acidente, cinco mulheres e dois homens, foram encaminhados com escoriações para a Santa Casa de Campo Grande. (Foto: Arquivo pessoal e Rones Cezar | Alvorada Informa)

Jornal Midiamax