Polícia / Trânsito

Menina de 5 anos segue sedada no CTI após acidente na MS-080

Vítima está entubada e respira por ventilação mecânica

Midiamax Publicado em 18/07/2016, às 20h30

None
interna3_5.jpg

Vítima está entubada e respira por ventilação mecânica

​Com um trauma no crânio e no abdomên, a menina de cinco anos que estava na caminhonete L200 que se envolveu em um acidnete na MS-080 no domingo (17) continua sedada induzidamente, para ser tratada no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa de Campo Grande.

A menina estava acompanhada dos avós e dos pais, que foram socorridos também com ferimentos graves.

Conforme a assessoria de imprensa da Santa Casa, a criança não está em coma, mas sim sob efeito de medicação, entubada e respirando por ventilação mecânica.

De acordo com a policia, a avó da menina, Karla Marques Coury Derzi foi socorrida, mas faleceu no hospital de Rio Negro. Conforme a Santa Casa, os outros familiares foram levados para o Proncor, mas não há informação sobre o estado de saúde deles.

O acidente

De acordo com informações da Polícia Militar de Rio Negro, as vítimas estavam em estado de choque e conseguiram dizer apenas que, depois de o pneu furar, o motorista, que seria o pai da criança, perdeu o controle da direção da caminhonete que capotou e invadiu o canteiro da rodovia.

As vítimas foram encaminhadas para o hospital de Rio Negro e, depois de receber os primeiros socorros, encaminhadas para a Capital. Entre elas, a menina de 5 anos. Funcionários do hospital confirmaram a morte de uma pessoa, a avó materna da criança.

O caso foi registrado como homicídio culposo, quando não há intenção, na direção de veículo automotor.

Jornal Midiamax