Polícia / Trânsito

Detran deve suspender 347 CNHs por direção perigosa e outras infrações

Outras 599 suspensões imediatas foram emitidas

Joaquim Padilha Publicado em 09/05/2016, às 12h15

None
direcaoperigosa.jpg

Outras 599 suspensões imediatas foram emitidas

O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) divulgou nesta segunda-feira (9) um edital notificando a instauração de processo administrativo contra 347 condutores em todo Estado. Os notificados podem ter seu direito de conduzir veículos suspenso caso percam o processo.

Entre as infrações do Código de Trânsito Brasileiro estão 92 notificações por utilização de veículos para demonstrar ou exibir manobras perigosas, e 78 notificações por dirigir ameaçando os demais veículos ou pedestres. A promoção de “rachas” e corridas também foi punida em dois casos, além de doze processos administrativos por promoção de eventos de exibição de manobras perigosas em vias públicas. Estes crimes são comumente chamados de "direção perigosa".

Condutores que evitaram confronto com a polícia também foram alvo do Detran: quatorze notificações foram emitidas à motoristas que tentaram transpor bloqueios policiais e dezessete à condutores que se recusaram a fazer o teste do bafômetro. Outros 54 foram notificados por deixarem de prestar assistência à vítimas de acidentes em que se envolveram.

Outros 78 condutores foram notificados sem que fosse divulgada a infração cometida. A defesa dos processos administrativos deve ser apresentada em até 15 dias, quando será dado o prosseguimento aos processos.

O Detran-MS ainda publicou no Diário Oficial do Estado uma lista com 599 suspensões imediatas do direito de conduzir veículos. As suspensões valem por dois meses, e os autuados devem se submeter ao curso de reciclagem para voltar a dirigir. A lista completa dos processos administrativos e suspensões está nas páginas 20 a 43 do Diário Oficial.

Jornal Midiamax