Polícia / Trânsito

VÍDEO: leitor flagra incêndio em carros que matou 5 carbonizados na BR-262

Os veículos ficaram totalmente destruídos

Gerciane Alves Publicado em 04/10/2015, às 20h33

None
carro.jpg

Os veículos ficaram totalmente destruídos

Um leitor do Jornal Midiamax que passava pela BR-262 pouco depois do acidente que provocou a morte de cinco pessoas, filmou os carros envolvidos ainda em chamas. Nas imagens é possível ver claramente que os dois veículos, um Renault e um Palio, ficaram totalmente destruídos pelo fogo. Veja.

O acidente

O acidente teria sido provocado pelo motorista do Palio, que segundo informações da polícia estaria embriagado. De acordo com informações da PRF (Polícia Rodoviária Federal), o motorista do Palio, Roberto Benites, que seguia sentido Três Lagoas/Água Clara, invadiu a pista contrária, colidindo no Renault, que seguia para Três Lagoas.

Morreram no acidente, quatro dos cinco ocupantes do Renault. São eles o pastor Wanderson Duarte e os filhos, Gabriela, de 8 anos, e Lucas, de 12 anos, que de acordo com não usavam cinto de segurança, e Jocelise Pereira Oliveira, amiga da família. Apenas a mãe das crianças, Hellen Rolon de Souza Duarte, sobreviveu. No Palio, o condutor Roberto Benites sobreviveu, mas sua esposa, Marlen Alves Costa de 21 anos acabou morrendo no local.

Prisão

O condutor do Palio, Roberto Benites, acusado de dirigir embriagado e provocar o acidente Fo preso na tarde deste domingo e responderá por homicídio doloso. De acordo com o delegado Tiago Macedo dos Santos, da 5ª Delegacia de Polícia Civil de Ribas de Rio Pardo, Roberto foi preso assim que recebeu alta médica.

Roberto Benites foi autuado por lesão corporal dolosa e está sob a custódia da Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo onde permanecerá até o pronunciamento da justiça.

WhatsApp: fale com os jornalistas

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax