Um rapaz, de 28 anos, fugitivo do presídio da Gameleira, foi recapturado pela polícia após ameaçar a companheira, de 26, com um tiro de espingarda, no Sumatra, em Campo Grande, na madrugada de domingo (25).

As autoridades policiais foram acionadas para atender a uma no início da tarde de sábado (24). Ao chegar ao local, a mulher informou que o rapaz teria efetuado um disparo de de fogo, calibre 12, para ameaçá-la. Porém, o autor do disparo não estava na casa.

Já na madrugada de domingo (25), em diligências pela região, policiais prenderam o homem na residência onde ocorreu o crime. Ele confessou ter efetuado o disparo na intenção de intimidar a companheira. Além da arma, foi apreendido um estojo deflagrado. 

No local, foi constatado que o rapaz possuía mandado de prisão em aberto, expedido pela 2ª Vara de Execução Penal, da comarca de , e que estava foragido do CPAIG (Centro Penal Agro-Industrial Gameleira).

Questionado sobre a espingarda, ele contou que teria emprestado de seu vizinho, um jovem de 22 anos, e devolvido logo depois. A equipe policial se deslocou até a residência do vizinho, que confirmou os fatos. Ele foi preso e levado para a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) pelo crime de posse irregular de arma de fogo de uso permitido. 

Em depoimento à polícia, o jovem alegou que teria comprado a arma há três anos pelo valor de R$ 500 e a mantinha guardada em sua residência. Após audiência de custódia realizada nesta segunda-feira (26), ele foi liberado.