O recém-nascido encontrado abandonado em uma caixa de papelão, na tarde de quarta-feira (1º), em Campo Grande, no Bairro Aero Rancho, passa bem, segundo a delegada titular da DEPCA (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente), Anne Karine.

Segundo a delegada, o , que é um menino, está internado e passa bem. Diligências estão sendo feitas para tentar localizar a do recém-nascido. O bebê foi encontrado por um ciclista que passava pela Rua Congonhas do Campo.

Conforme o sargento Melin, um dos primeiros militares a dar atendimento ao bebê, o recém-nascido já estava com as vias aéreas liberadas e bastante choroso. “Nós fizemos a limpeza do bebê e aquecemos, depois solicitamos apoio”, afirmou.

Em nota, o disse que o recém-nascido passou por exames e por protocolos médicos necessários, está bem e recebendo toda a atenção da equipe, “O recém-nascido está sob os cuidados da equipe médica da unidade de cuidados intermediários e todos os protocolos médicos necessários foram adotados para a realização dos exames, já que não é de conhecimento da equipe o histórico da gestação e quadro de saúde da genitora.”

Recém-nascido encontrado na caixa de papelão

O motociclista, identificado como Nicolas Vilarim Fortunato, de 19 anos, contou que seguia para visitar a avó, quando viu o momento em que o senhor parou na esquina e começou a gritar para que ele parasse. A princípio, o senhor contou que achou que se tratava de filhote de cachorro, mas ao chegar próximo viu o bebê.

Segundo Nicolas, a caixa estava entreaberta, e o bebê estava em cima de um pano. Ele chegou a ver algo parecido com o cordão umbilical, por isso acredita que se trata de recém-nascido.

Abalado, o rapaz contou que ninguém merece passar por isso. “Meu Deus! Quem faz isso? É um recém-nascido”, lamentou.

(Matéria atualizada às 11:14 para acréscimo da nota do hospital)