Foi identificado o homem encontrado morto na manhã desta terça-feira (28) em um terreno baldio da Rua Florianópolis, no Bairro Jardim Imá, em Campo Grande. Ele estava seminu, apenas de cueca, e com os pés amarrados.

A Polícia Civil não descarta o crime de latrocínio – roubo seguido de morte –, mas o caso é investigado, a princípio, como homicídio. Ele foi identificado no final da tarde de ontem (28) por meio de exame necropapiloscópico.

Câmeras de segurança da rua onde o corpo foi, provavelmente, desovado, flagraram a movimentação de um carro de cor prata durante a madrugada. Pelas imagens é possível ver quando o carro chega na rua, por volta de 1h47.

O motorista para, fica cerca de um minuto e faz manobra de retorno na via, indo em direção ao local onde ele foi encontrado. Depois de alguns segundos, o carro aparece novamente em alta velocidade. Não se sabe se o veículo teria envolvimento com o crime, onde o corpo foi localizado. 

Conforme explicado pela delegada Franciele Candotti, da 7ª Delegacia de Polícia Civil, a morte não teria ocorrido no local onde o corpo foi encontrado. O cadáver tinha ferimentos pelo corpo, sendo nenhum deles provocado por de fogo ou faca, foi desovado no terreno.

Além de ferimentos nas costas, tórax e cabeça, o homem foi encontrado com os pés amarrados com uma camiseta, ele estava seminu, apenas de cueca. A suspeita é que a morte tenha ocorrido cerca de três a quatro horas antes. Uma idosa chegou a comentar que os cachorros não paravam de latir por volta das 2h30, mas a filha saiu para trabalhar às 3h e não havia cadáver no local.

Saiba Mais