José Antônio Pires, de 51 anos foi preso, acusado de matar facadas Josué Antunes de Oliveira, de 48 anos. O crime aconteceu em novembro de 2014, em um bar de , cidade a 273 km de Campo Grande. A vítima era funcionária de um hortifrúti, o qual o autor era proprietário. Ele foi preso em , cerca de 440 km do local do crime.

José Antônio foi preso após policiais da Delegacia de Caarapó receberem denuncia de que ele estava escondido em Santa Rita do Rio Pardo. Uma equipe da Polícia Civil e Militar se deslocaram para a cidade e ao realizar buscas encontrou o autor que estava com mandado de em aberto.

Atualmente, José era proprietário de uma sorveteria na avenida principal de Santa Rita do Pardo. Ele foi localizado, preso e encaminhado ao presídio de Bataguassu, onde encontra-se a disposição do juízo de execução penal para cumprir de doze anos.

O crime

O homicídio ocorreu no dia 05 de novembro de 2014. Josué era vendedor e fazia entregas para um hortifrúti. Ele foi assassinado pelo patrão após um desentendimento.

Após ser ferida, a vítima tentou correr, mas foi alcançado e atingido diversas vezes nas costas. O Corpo de chegou a ser acionado, mas a vítima já estava sem vida. Depois do crime, José fugiu.