O padrasto de uma menina de 3 anos foi levado para a delegacia nesse domingo (19) após espancar a enteada com socos, na cidade de Coxim, a 253 quilômetros de Campo Grande. A criança tinha várias lesões pelo corpo.

Segundo a da menina, ela tinha saído para ir até a casa de sua sogra, quando voltou depois das 16h30 e percebeu que a menina estava chorando muito e com ferimentos na testa, ombro e pescoço. A mulher questionou o marido que disse ter dado, apenas, uns tapinhas na enteada.

Ele disse que castigou a menina por ela ter desobedecido. O Conselho Tutelar foi acionado e o homem encaminhado para a delegacia e autuado por maus-tratos.  

Maus-tratos é crime

A pena prevista é de 2 meses a 1 ano de detenção e multa. Caso a agressão tenha resultado mais grave, a pena é aumentada: 1 a 4 anos de reclusão, se configurar lesão corporal; e 4 a 12 anos de reclusão para resultado morte. Quando o crime é praticado contra menor de 14 anos, a pena deve ser aumentada em 2/3.