O homem, suspeito de matar a tiros Elisio Rosa Veiga, de 34 anos, no dia 7 deste mês, foi preso na terça-feira (21) em Porto Murtinho, a 454 km de . A foi realizada na cidade de .

O autor havia se apresentado na dias depois acompanhado de seu advogado. Na ocasião apresentou a do crime e informou o endereço onde morava. Preferiu ficar em silêncio durante interrogatório.

O delegado de polícia de Porto Murtinho representou pela decretação da prisão preventiva do autor, que foi cumprida no próprio endereço onde mora.

Até o momento, não se sabe o motivo do crime, porém a esposa da vítima acredita que a morte esteja relacionada ao cargo de seu marido, que era vice-cacique da Aldeia São João.

Crime

O assassinato aconteceu por volta das 19 horas, quando Elisio Rosa Veiga, de 34 anos, estava em seu estabelecimento comercial, que fica junto do Ibama e o autor fez disparos contra a vítima, que morreu no local. 

A esposa de Elisio presenciou o marido sendo assassinado. Logo após o crime, o autor fugiu e não foi encontrado pela polícia. Não se tem informações sobre a motivação do crime.  

Saiba Mais