Um homem, de 42 anos, foi preso na noite de sábado (9) após desacatar GCMs (Guardas Civis Metropolitanos) e por urinar em via pública no Bairro Indubrasil, em Campo Grande. O caso foi registrado como desacato e ato obsceno.

Conforme o boletim de ocorrência, a equipe da Guarda avistou um veículo que transitava na contramão, quando o autor, que estava na rua, em frente ao centro comunitário do bairro, começou a gritar: ‘Ou guardinha, olha o cara na contramão. Não vai fazer nada? Tá dormindo, guardinha?”.

O homem estava visivelmente embriagado, bebendo com a esposa e outros familiares, pois estava ocorrendo um evento no centro comunitário. 

Foi solicitado apoio, onde havia um agente de trânsito. Ao chegar a viatura, o homem saiu, se dirigiu até o canteiro da via, tirou o órgão genital e urinou na rua, em frente à população que estava no evento.

Diante do ato obsceno, a equipe o orientou, mas foram desacatados e então, foi dada voz de prisão. Em seguida começou uma aglomeração de pessoas dizendo que o homem não seria preso, dizendo que a prisão era ilegal.

O homem foi entregue na para providências.

Saiba Mais