Celso Masugrossa Frutuso, de 42 anos, foi baleado com cinco dentro da casa onde morava, no distrito de Indápolis, em , a 225 quilômetros de Campo Grande, na noite nesse domingo (1º). Ele não resistiu e morreu a caminho do HV ( da Vida).

De acordo com informações do boletim de ocorrência, o irmão da vítima foi quem acionou a polícia. A mãe de Celso também relatou aos policiais que eles estavam em casa quando dois homens e duas mulheres, a bordo de um veículo Ford, chegaram ao local e agrediram Celso, que é usuário de e saíram.

Em seguida, o grupo retornou e efetuou cinco disparos contra a vítima que foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, porém, faleceu quando era levado para o Hospital da Vida, em Dourados.

Ainda conforme o registro policial, a mãe de Celso disse aos policiais que quando os indivíduos chegaram a sua casa, disseram que haviam se envolvido numa briga em um bar com ele. O caso é investigado pela polícia.