Um empresário investigado por manter conversas de teor sexual com uma menina de 12 anos, foi preso com arsenal de de fogo. A prisão aconteceu na tarde dessa terça-feira (13), em , a cerca de 240 quilômetros de Campo Grande.

Segundo o site local, Jardim MS News, as investigações contra o empresário começaram em agosto, depois que a mãe da menina procurou à DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher) do município. À polícia, ela disse que flagrou conversas, com cunho sexual, entre a filha e o empresário e apresnetou prints de mensagens trocadas entre a vítima e o suspeito e aúdios gravados por eles.

Ao jornal local, a delegada da DAM, Allana Marieli Marazo Zarelli, disse que a realizada na tarde de ontem tinhas como objetivo cumprir mandado de busca e na casa e no comércio do empresário.

Conforme as informações, na residência, a polícia encontrou diverswas armas de fogo, acessórios, três armas de longo calibre, de uso restritop e mais de cinco mil munições. Já na emprsa os policiais apreenderam produtos falsificados.

O empresário foi preso em flagrante encaminhado para Delegacia de Polícia Civil. Ele prestou depoimento e foi levado para o presídio Máximo Romeiro, localizado em Jardim.