Um motoristade 42 anos que estava embriagado e sem CNH (Carteira Nacional de Habilitação) foi preso em flagrante após se envolver em colisão frontal. Ele conduzia um Santana na contramão e colidiu com um veículo Fiat Uno, na Rua Maria Carmo Ferro, no bairro Tiradentes, em Campo Grande, na noite do sábado (30). O homem se recusou a ir até a e chutou uma viatura do .

Os policiais foram acionados e constataram que o motorista tentou fugir do local do acidente, buscando refúgio em uma lanchonete. Posteriormente, ele foi localizado e abordado, momento em que, agressivo, jogou-se no chão e recusou a responder perguntas dos policiais.

A equipe suspeitou que o homem estaria embriagado por apresentar forte odor etílico, fala desconexa e olhos avermelhados. Ele recusou fazer o teste de alcoolemia. Então, foi realizado um termo de constatação de alteração da capacidade psicomotora.

O motorista foi convidado a acompanhar a equipe da Polícia Civil para prestar esclarecimentos na delegacia, porém se recusou e precisou ser algemado. Mesmo algemado, ele continuou apresentando resistência.

Diante dos fatos, foi solicitado apoio de uma equipe do Batalhão do Choque para colocá-lo dentro da viatura. Ao entrar na viatura, o homem chutou o compartimento de segurança e quebrou a tampa de vidro traseira. Ele ficou com vários hematomas no corpo devido a isso. 

A perícia técnica foi acionada para constatar os danos causados à viatura. O motorista foi levado para a Depac-Cepol (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário do Centro Especializado de Polícia Integrada) e o veículo encaminhado ao pátio do Detran (Departamento Estadual de Trânsito).