Foi preso na manhã desta terça-feira (7), em Campo Grande, no bairro Parque dos Laranjais, o acusado de estuprar uma mulher de 44 anos, que é PCD (Pessoa com Deficiência Intelectual), quando seguia para a escola, no dia 19 de outubro.

Segundo a delegada Analu Ferraz, o acusado foi levado para a (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher), onde será ouvido. Contra ele havia um mandado de prisão temporária, segundo a delegada. 

A mulher saiu de casa por volta das 6h40 para ir à escola, no dia 19 de outubro, sendo um trajeto que ela costumeiramente fazia sozinha, devendo chegar até a unidade escolar antes das 7 horas da manhã, mas só foi aparecer na escola por volta das 10 horas.

O estupro

Quando chegou à escola estadual, o diretor percebeu que ela estava suja, descabelada. A família foi informada do que havia ocorrido e a vítima foi levada até a sua casa. Já para os familiares, a mulher contou que no caminho da escola foi abordada por um morador da região, que a levou até um terreno baldio.

Lá o homem a estuprou. A mulher estava com arranhões nas costas e foi levada até a delegacia, onde passou por exames. Familiares conseguiram localizar o autor, que foi detido até a chegada da Polícia Militar. Testemunhas contaram que o autor já vinha abordando mulheres nas ruas da região.

Saiba Mais