Por dívida de R$ 10 mil com o PCC, homem é sequestrado no Centro de Campo Grande

Ele alegou que passou por um tribunal do crime
| 18/02/2022
- 16:46
Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa

Nesta sexta-feira (18), homem de 35 anos procurou a Polícia Civil para informar que foi vítima de sequestro e cárcere privado, sendo mantido refém por três dias. Ele foi sequestrado no dia 14 de fevereiro, por uma dívida de drogas.

Conforme relato do homem, ele estava nas proximidades da antiga rodoviária, quando foi abordado por ocupantes de um Punto branco. Os suspeitos ordenaram que ele entrasse no veículo e ele foi levado até um barraco nas Moreninhas.

A vítima foi mantida em cárcere por três dias. Neste período, era aguardada ordem do PCC (Primeiro Comando da Capital), que definiria se ele seria liberado ou morto. O homem é monitorado por tornozeleira eletrônica e no dia seguinte ao sequestro, teve a tornozeleira cortada.

Os suspeitos acabaram liberando a vítima, que alegou que tem uma dívida de drogas no valor de R$ 10 mil. O caso foi registrado como dano qualificado e sequestro e cárcere privado.  

Veja também

Idosos foram socorridos com vários ferimentos para a Santa Casa

Últimas notícias