Parentes encontraram corpos de idosa de 90 anos e cuidadora após saberem da morte do neto

Eles buscavam a documentação do homem quando acharam as vítimas
| 02/04/2022
- 10:18
Parentes encontraram corpos de idosa de 90 anos e cuidadora após saberem da morte do neto
Vítimas foram encontradas mortas na casa (Foto: Nova News)

Familiares de Joana Silva Fernandes, de 90 anos, a encontraram morta junto com a cuidadora Maria Aparecida Luiz de Siqueira Matos, de 58 anos, quando buscavam os documentos do homem apontado como o assassino na madrugada deste sábado (2). Antônio Marcos Fernandes Gonçalves, de 28 anos, teria assassinado a avó e depois se jogado na frente de uma carreta na MS-276 em Batayporã, a 306 quilômetros de Campo Grande.

Informações do boletim de ocorrência são de que os familiares de Antônio, sem especificar o grau de parentesco, foram até a da avó Joana para buscarem os documentos do rapaz, já por volta das 2 horas. Foi neste horário que eles souberam da morte de Antônio no local e precisavam buscar os documentos para o reconhecimento da vítima.

Quando chegaram na casa, encontraram Joana e a cuidadora, Maria, caídas no chão já sem vida, ensanguentadas e com as marcas de facadas. A faca usada no crime foi encontrada ao lado das vítimas, bem como um short com vestígios de sangue, que segundo as testemunhas pertencia a Antônio.

Nas investigações iniciais, foi apurado que Antônio teria assassinado a avó e a cuidadora a facadas, depois fugido usando a bicicleta de um familiar. Ele seguiu até as margens da rodovia, onde deixou a bicicleta, e invadiu a pista correndo ao perceber que a carreta se aproximava, sendo atropelado.

homicidio bataypora carreta - Parentes encontraram corpos de idosa de 90 anos e cuidadora após saberem da morte do neto
Carreta tombou após o acidente (Foto: Nova News)

O motorista relatou que ainda tentou desviar, mas não conseguiu evitar o acidente. A carreta chegou a tombar nas margens da rodovia e equipes policiais, bem como Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foram acionados. Antônio ainda foi socorrido, mas morreu no hospital da cidade.

A princípio, não foi identificada testemunha do feminicídio e homicídio qualificados. O caso foi registrado na Delegacia de Batayporã e é investigado. Ainda na madrugada, familiares foram ouvidos pela Polícia Civil.

Veja também

Um rapaz de 25 anos sofreu uma tentativa de homicídio na noite desta quinta-feira (30)...

Últimas notícias