Polícia

Dois homens são executados em atentado durante festa de Ano Novo na fronteira

Vítimas tinham 23 e 26 anos

Renata Portela Publicado em 01/01/2022, às 09h54

Vítimas foram mortas no salão de festas
Vítimas foram mortas no salão de festas - (Foto: ABC Color)

Por volta das 3 horas deste sábado (1º), Celso Ariel Escobar Centurión, de 26 anos, e Hugo Javier Brítez Ozuna, de 23 anos, foram executados a tiros em um salão de festas em Pedro Juan Caballero (PY), fronteira com Mato Grosso do Sul. Eles comemoravam a chegada do novo ano quando foram surpreendidos pelos atiradores.

Os dois suspeitos chegaram ao local armados com pistola e também um rifle e estavam com os rostos cobertos. Eles renderam os funcionários que estavam na entrada do salão Quincho Delgado e atiraram contra os dois rapazes, que morreram na hora.

Duas mulheres também foram atingidas por disparos, socorridas e levadas ao hospital, conforme o site ABC Color. As vítimas do homicídio tinham passagens pela polícia e os atiradores fugiram do local em um carro escuro.

Jornal Midiamax