Polícia

Comerciante desaparece no Monte Castelo e família teme por dívida com agiota

Adriano foi visto pela última vez na quarta-feira

Renata Portela Publicado em 13/01/2022, às 13h56

Adriano foi visto pela última vez na manhã de quarta-feira
Adriano foi visto pela última vez na manhã de quarta-feira - (Divulgação)

Familiares de Adriano Villarino da Costa, de 34 anos, procuraram a Polícia Civil e relataram o desaparecimento do comerciante. Publicações também foram feitas nas redes sociais, para tentar encontrar o homem, que foi visto pela última vez na manhã de quarta-feira (12).

Segundo relato da família, Adriano foi até a clínica veterinária da esposa por volta das 8 horas de quarta e pediu um carro por aplicativo para voltar para casa. Ele teria feito o trajeto e parado na esquina da residência, no Monte Castelo, mas não chegou em casa.

A esposa ainda relatou que tinha um cronograma com o marido, às 10h30, e que ficou preocupada quando ele não apareceu. Ela iniciou buscas por Adriano, que até a tarde desta quinta-feira (13) ainda não tinha sido localizado.

Conforme os familiares, o comerciante tinha uma dívida de aproximadamente R$ 150 mil com agiotas e eles temem que o desaparecimento possa estar relacionado. O caso foi registrado na 2ª Delegacia de Polícia Civil como desaparecimento de pessoa.

Informações sobre Adriano podem ser repassadas para a polícia.

Jornal Midiamax