Polícia

Trabalhador rural tem prisão decretada após sequestrar e estuprar menina de 7 anos

Menina foi levada de frente de sua casa

Thatiana Melo Publicado em 01/06/2021, às 12h52

None
(Ilustrativa)

Foi decretada a prisão preventiva de um trabalhador rural de 47 anos, que sequestrou e estuprou uma menina de 7 anos, no dia 23 de maio deste ano, em cidade ao norte de Mato Grosso do Sul. Ele tentou a liberdade que foi negada.

A prisão preventiva do acusado foi proferida em audiência de custódia no dia 25 de maio. O homem levou a menina de frente de sua casa quando dirigia um veículo Volkswagen Gol. Segundo consta na denúncia, o homem a levou até a região conhecida como ‘Morro da TV’, sendo que lá ainda dentro do veículo, passou a beijar a criança na boca e passar a mão em seu órgão genital, dizendo que queria namorar com ela.

Após 40 minutos o homem levou a menina de volta para a frente de sua casa, e ela desceu chorando do carro entrando correndo em sua residência se escondendo embaixo da cama. A menina contou para a mãe sobre os fatos.

O suspeito teria feito ameaças de morte a família da criança dizendo que mataria a todos, caso alguém contasse o ocorrido para a polícia. O suspeito negou os fatos e disse que pegou a criança para ajudá-la a procurar a casa da avó, mas como não a encontrou, levou a menor de volta para casa dela. Ele acabou preso.

Jornal Midiamax