Polícia

Presa: Falsa curandeira cobrou R$ 8 mil para tratar doença cerebral de criança

Golpista de 61 anos que chegou a cobrar R$ 8 mil prometendo falsamente a cura de uma criança foi presa pela Polícia Civil nesta sexta-feira (05), em Campo Grande, pelo crime cometido na cidade de Rio Brilhante. Contra ela há pelo menos três boletins de ocorrência por estelionato. Conforme a polícia, na semana passada, uma […]

Renan Nucci Publicado em 05/02/2021, às 16h19

Foto Ilustrativa
Foto Ilustrativa - Foto Ilustrativa

Golpista de 61 anos que chegou a cobrar R$ 8 mil prometendo falsamente a cura de uma criança foi presa pela Polícia Civil nesta sexta-feira (05), em Campo Grande, pelo crime cometido na cidade de Rio Brilhante. Contra ela há pelo menos três boletins de ocorrência por estelionato.

Conforme a polícia, na semana passada, uma mãe registrou boletim de ocorrência alegando que havia encontrado uma suposta benzedeira que alegava ser capaz de curar doenças cerebrais da criança. Elas mantiveram contato para início do tratamento, mas os resultados não apareceram.

Mesmo assim, a autora vinha desde agosto do ano passado fazendo exigências exorbitantes para custear o tratamento. Ao todo, a mãe teria desembolsado R$ 8 mil em dinheiro, materiais de construção e outros bens. Como o filho não melhorou, a mãe pediu de volta tudo o que havia pagado.

Diante de tais cobranças, a curandeira vendeu uma casa e fugiu, na tentativa de não ser presa. Além deste caso e dos três boletins de ocorrência registrados anteriormente, a suspeita é ré em dois processos de estelionato que estavam suspensos justamente por ela não ter sido localizada.

Agora, foi encaminhada ao presídio e os procedimentos seguem.

Jornal Midiamax