Polícia

Polícia apreende embarcação e petrechos ilegais de pesca no Parque das Várzeas do Rio Ivinhema

Trabalhos preventivos, que duraram desde a madrugada de ontem até o final da manhã de hoje

Diego Alves Publicado em 01/06/2021, às 21h13

Divulgação, PMA
Divulgação, PMA

A PMA (Polícia Militar Ambeitnal) do Parque Estadual das Várzeas do Rio Ivinhema apreendeu embarcação e petrechos ilegais de pesca na área do Parque. Policiais ambientais da Subunidade do Parque Estadual das Nascentes e das Várzeas do Rio Ivinhema (PEVRI) realizaram operação fluvial de prevenção à pesca predatória e outros crimes e infrações ambientais, dentro e no entorno da área do Parque e apreenderam diversos petrechos ilegais para a pesca e embarcação que seria utilizada em pesca predatória.

De acordo com a polícia, os trabalhos preventivos, que duraram desde a madrugada de ontem até o final da manhã de hoje (1) aconteceram nos rios Paraná, Ivinhema e seus afluentes. No rio Paraná, no entorno do Parque, foram retiradas três cordas de espinheis, medindo 150 metros, cada uma com 36 anzóis, 15 boias com anzóis (joão-bobo) e mais 22 anzóis de galho (petrechos proibidos).

No Rio Ivinhema, na área interna do Parque, onde a pesca é proibida, os Policiais apreenderam uma embarcação de alumínio de 6 metros. A equipe calcula que infratores que praticariam pesca predatória no local tenham sido avisados via celular da presença dos Policiais e fugiram, abandonado o barco.

Os proprietários dos materiais ilegais não foram encontrados. Porém, de qualquer forma, a fiscalização preventiva intensiva tem evitado a pesca ilegal na região e na Unidade de Conservação, principalmente, a armação desses petrechos nos rios, os quais tem alto poder de depredação dos cardumes.

Jornal Midiamax