Polícia

PM prende dois homens com submetralhadora após briga e invasão em Ponta Porã

A PMMS (Polícia Militar de Mato Grosso do Sul) prendeu na madrugada deste sábado (23) dois homens, de 28 e 31 anos, após se envolverem em uma briga e invadir uma casa em Ponta Porã. Com um deles, os militares encontraram uma submetralhadora. Os dois estavam na casa de um deles, usando drogas junto à […]

Adriel Mattos Publicado em 23/01/2021, às 11h45 - Atualizado às 11h45

Foto: Divulgação, 4ºBPM/CPA 1, PMMS
Foto: Divulgação, 4ºBPM/CPA 1, PMMS - Foto: Divulgação, 4ºBPM/CPA 1, PMMS

A PMMS (Polícia Militar de Mato Grosso do Sul) prendeu na madrugada deste sábado (23) dois homens, de 28 e 31 anos, após se envolverem em uma briga e invadir uma casa em Ponta Porã. Com um deles, os militares encontraram uma submetralhadora.

Os dois estavam na casa de um deles, usando drogas junto à uma das esposas, quando se desentenderam. O suspeito de 31 anos pegou a arma e atirou contra o outro, mas a submetralhadora falhou.

Em seguida, eles entraram em luta corporal e o homem de 28 anos atacou o outro, lhe dando golpes na cabeça com uma garrafa. Após a briga, os dois fugiram.

O suspeito de 28 anos se refugiou na casa de uma mulher, que acionou a PMMS. Aos policiais, ele alegou ter sido vítima de sequestro e que lhe haviam roubado um carro da marca Volvo.

Durante o atendimento, os militares foram chamados no Hospital Regional Dr. José de Simone Netto, onde o outro homem de 31 anos deu entrada. Na primeira abordagem, ele mentiu o nome, mas acabou confessando a real identidade e que é interno do regime semiaberto.

Após receberem alta, os dois foram encaminhados à 1ª Delegacia de Polícia Civil, onde foi entregue aos agentes a submetralhadora Luger, com 18 munições intactas e duas deflagradas, além de uma motocicleta estrangeira, que pertencia ao suspeito de 31 anos.

Jornal Midiamax