Polícia

Pistoleiros invadem fazenda e executam pecuarista brasileiro no Paraguai

Pistoleiros executaram o pecuarista brasileiro Rival Aparecido de Oliveira, de 66 anos, na tarde desta quinta-feira (04), em uma fazenda localizada na colônia Nova Esperança, região do distrito de Yby Yaú, no Paraguai. A vítima morreu no local, antes que pudesse ser socorrida. Informações são de que os executores estavam em um veículo branco sem […]

Renan Nucci Publicado em 04/03/2021, às 17h14 - Atualizado em 05/03/2021, às 15h17

Fazendeiro brasileiro foi assassinado em fazenda na fronteira. Foto: Reprodução
Fazendeiro brasileiro foi assassinado em fazenda na fronteira. Foto: Reprodução - Fazendeiro brasileiro foi assassinado em fazenda na fronteira. Foto: Reprodução

Pistoleiros executaram o pecuarista brasileiro Rival Aparecido de Oliveira, de 66 anos, na tarde desta quinta-feira (04), em uma fazenda localizada na colônia Nova Esperança, região do distrito de Yby Yaú, no Paraguai. A vítima morreu no local, antes que pudesse ser socorrida.

Informações são de que os executores estavam em um veículo branco sem placa. Eles invadiram a propriedade e entraram em uma das casas da sede. Lá, encontraram a esposa de Rivaldo e questionaram onde o marido estava. Em seguida, foram ao encontro dele, que estava em outro cômodo.

Rivaldo foi atingido por vários disparos e fugiu do local. Enquanto dois dos pistoleiros cometiam o homicídio, outros dois davam apoio dentro do veículo. Após a ação, o grupo fugiu. Não foi levado nada no local. De acordo com o jornal ABC Color, o único objetivo era a morte de Rivaldo.

Jornal Midiamax