Polícia

Grávida de gêmeas é executada em MS e suspeita é de que o marido seria o alvo

Bebês sobreviveram e nasceram saudáveis apesar do atentado contra a mãe

João Ramos Publicado em 25/12/2021, às 08h12

Carolina estava no sétimo mês de gestação
Carolina estava no sétimo mês de gestação - (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Uma mulher grávida de gêmeos foi executada na noite desta sexta-feira (24), véspera de Natal, em Ponta Porã. De acordo com o Ponta Porã News, o alvo seria seu marido, que levou um tiro de raspão em um dos braços.

O casal estava dentro de um carro, nas proximidades do Pesqueiro da Tia Rosa, quando foi atacado pelos pistoleiros. Identificada como Ana Carolina Aquino, ela levou um dos tiros na nuca, foi socorrida e encaminhada para o Hospital Regional de Ponta Porã.

Em cirurgia de urgência, a equipe médica conseguiu salvar as duas meninas gêmeas que estavam na barriga da mãe. Elas nasceram saudáveis e, assim como o pai, passam bem.

Assim que receber alta, o marido — que seria o verdadeiro alvo da ação dos pistoleiros — será ouvido pela polícia, que tentará identificar os agressores e as motivações do crime.

Carolina estava no sétimo mês de gestação. Não há informações sobre a idade da gestante assassinada.

Jornal Midiamax