Polícia

Membro do PCC que fugiu de presídio na fronteira de MS é recapturado no Brasil

Daniel Paredes Morel, de 36 anos, foi preso na cidade de Paranhos

Marcos Morandi Publicado em 21/09/2021, às 08h11

Fuga em massa do Presídio de Pedro Juan Caballero aconteceu na madrugada do dia 19 de janeiro de 2020
Fuga em massa do Presídio de Pedro Juan Caballero aconteceu na madrugada do dia 19 de janeiro de 2020 - Reprodução

Agentes da Polícia Civil brasileira conseguiram capturar um paraguaio que estava na lista dos 76 integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital) que fugiram da Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero, no dia 19 de janeiro do ano passado. 

Segundo informações da Polícia Nacional do Paraguai, Daniel Paredes Morel, de 36 anos, foi preso no último domingo (19) na cidade de Paranhos, no Mato Grosso do Sul, distante 200 quilômetros de Pedro Juan Caballero, que faz fronteira com Ponta Porã.

No momento em que foi recapturado em operação comandada pelo delegado da Polícia Civil de Paranhos, Edgar Punsky, que contou com o apoio de policiais de Coronel Sapucaia, Daniel estava armado com uma pistola calibre 9 mm carregada com 9 projéteis.

Entenda o caso

Os 76 integrantes da facção criminosa brasileira fugiram durante a madrugada do 19 de janeiro de 2020, por um túnel da Penitenciária Regional de Pedro Juan Caballero. Destes, 40 são brasileiros e 36 paraguaios.

No grupo de foragidos, de acordo com informações divulgadas Ministério da Justiça do Paraguai na época, estavam o brasileiro Timóteo Ferreira, apontado como líder da facção dentro do presídio. Além dele, na lista também figuram seis supostos integrantes do grupo de Minotauro.

Jornal Midiamax