Polícia

Mãe acusa homem de abusar de sua filha em banheiro, pai nega e todos vão para a delegacia

O pai de uma criança foi parar na delegacia de polícia de Três Lagoas a 338 quilômetros de Campo Grande depois da mãe da menina acusar um homem, que seria amigo da família de abusar de sua filha no banheiro de uma casa, nesta segunda-feira (4). A menina foi encontrada na casa de uma vizinha […]

Thatiana Melo Publicado em 05/01/2021, às 06h26 - Atualizado às 07h27

(Arquivo)
(Arquivo) - (Arquivo)

O pai de uma criança foi parar na delegacia de polícia de Três Lagoas a 338 quilômetros de Campo Grande depois da mãe da menina acusar um homem, que seria amigo da família de abusar de sua filha no banheiro de uma casa, nesta segunda-feira (4). A menina foi encontrada na casa de uma vizinha com machucados na cabeça, pernas e ombros.

A polícia foi acionada por volta das 15 horas desta segunda (4), quando a mulher que estava exaltada, segundo o registro policial contou ter visto um homem abusando de sua filha. O pai que estava na companhia de um amigo negos os fatos, e disse, que a filha estava na casa de uma vizinha já que ele estava fazendo o uso de drogas.

Ele ainda contou que a esposa tem problemas psiquiátricos e vive tendo alucinações. Já na casa da vizinha, os policiais encontraram a criança que negou ter sido abusada e disse que não estava na companhia do seu pai por que sabia que ele estava usando drogas. A menina apresentava machucados na cabeça, pernas e ombros. O Conselho Tutelar foi acionado.

Os conselheiros contaram que no dia 19 de dezembro de 2020, a menina teria sido retirada do convívio familiar por apresentar abandono e maus-tratos, e que o pai havia desferido palavras de baixo calão contra os conselheiros e agredido um deles na época. Um boletim de ocorrência foi registrado, no caso da acusação de abuso e outro por desacato contra o pai da criança.

Jornal Midiamax