Polícia

Justiça paraguaia acusa avô por abuso sexual de menina de 3 anos

A menina está internada em estado grave de saúde na UTI (Unidade de Terapia Intensiva)

Marcos Morandi Publicado em 19/06/2021, às 09h23

Foto ilustrativa
Foto ilustrativa - Reprodução

O procurador Yrides Ávila denunciou neste sábado (19) como principal suspeito o avô da menina de 3 anos vítima de abuso sexual, na cidade de Ñemby , Departamento Central, no Paraguai. Ela está internada em estado grave de saúde na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de Clínicas.

A princípio a menor foi levada para o Hospital Distrital de Ñemby e de lá foi transferida para o Hospital de Clínicas, uma vez que os médicos perceberam que havia lesões compatíveis com o fato do abuso sexual.

A Polícia Nacional identificou o suposto autor do ocorrido, que já foi preso em seu local de trabalho e está à disposição do Ministério Público. Segundo o Ministério Público , a vítima tem uma irmã de 11 anos que revelou que a avó também teria tentado abusar da menina.

Jornal Midiamax