Polícia

Homem que esquartejou a mãe em cidade de MS é encontrado morto na prisão

O corpo do detento foi encontrado na Ala Médica da Penitenciária Estadual de Dourados

Marcos Morandi Publicado em 29/04/2021, às 06h39

Em 2017,  Camilo matou a mãe e foi preso em casa pela polícia
Em 2017, Camilo matou a mãe e foi preso em casa pela polícia - Sidney Lemos

Policiais Penais da PED (Penitenciária Estadua de Dourados) encontraram o corpo de Camilo Vinicius D’Amico Freitas de 36 anos com diversas perfurações de facas, na noite desta quarta-feira (28). Em dezembro de 2017 ele matou a mãe,  a veterinária aposentada Pierina Maria D’Amico que tinha 60 anos.

Camilo estava preso desde a data do crime na Ala Médica da Penitenciária Estadual de Dourados. A causa da morte ainda não foi revelada e peritos da Polícia Civil devem realizar os levantamentos para ajudar a determinar a causa da morte do rapaz que tinha problemas psicológicos e teria esfaqueado a mãe durante um surto psicótico.

Na época o crime chocou a cidade. Usuário de remédios controlados ele teria interrompido o uso de medicamentos e matou com golpes de faca, cortou o corpo em algumas partes  e jogou a mão decepada na calçada da casa onde moravam,  na rua Antonio Spoladore,  número 15, no Parque Alvorada, em Dourados.

Quando foi preso,  chegou a ser ventilada a possibilidade dele ser levado para um manicômio judiciário onde teria um tratamento mais adequado para a patologia dele, o que acabou não acontecendo.

Jornal Midiamax

☰ Últimas Notícias