Polícia

Homem é acusado de mandar vídeos íntimos da ex para as filhas dela após ameaça

No sábado (23), moradora em Anastácio, cidade que fica a 134 quilômetros de Campo Grande procurou a polícia para denunciar o ex-namorado, de 33 anos. Ele descumpriu medida protetiva da vítima e ainda divulgou vídeos íntimos dela, enviando para as filhas da mulher. Segundo relato da vítima, ela teve um relacionamento com o autor, mas […]

Renata Portela Publicado em 24/01/2021, às 07h37

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Imagem ilustrativa

No sábado (23), moradora em Anastácio, cidade que fica a 134 quilômetros de Campo Grande procurou a polícia para denunciar o ex-namorado, de 33 anos. Ele descumpriu medida protetiva da vítima e ainda divulgou vídeos íntimos dela, enviando para as filhas da mulher.

Segundo relato da vítima, ela teve um relacionamento com o autor, mas quando terminou pediu medidas protetivas contra ele. No entanto, ele tenta reatar o namoro, envia áudios e mensagens de texto para a mulher e passou a fazer ameaças. Em uma mensagem, chegou a dizer que destruiria a vítima e que seria capaz de passar com o carro por cima dela quando a visse na rua.

Na última sexta-feira (22), ele teria enviado uma mensagem dizendo que estava na esquina e que tinha ido na casa da vítima. Ela só viu a mensagem depois, por isso não acionou a Polícia Militar. O autor ainda enviou vídeos íntimos da mulher para as filhas dela e ameaçou enviar para outras pessoas.

A Polícia Civil registrou o caso como ameaça qualificada por violência doméstica, descumprir medida protetiva e divulgação de sexo, se o crime é praticado por agente que mantém ou tenha mantido relação íntima de afeto com a vítima ou com fim de vingança ou humilhação.

Jornal Midiamax